O dia em que me amei pela primeira vez....

Por Fabiana Lange Brandes


Demorou 25 anos, mas o dia chegou. Quando eu me conheci, foi amor à primeira vista. Como eu nunca havia reparado nas formas, no jeito e no olhar que tanto brilhava? Como eu não pude notar que diante do espelho o que eu via era o que eu tinha de mais lindo nessa vida? Eu não sei.

Só sei que quando passei a amar a mim mesma, entendi que durante todos esses anos eu me traí, e não foi só uma vez. Eu me feri também, tive minhas discussões de relação comigo mesma. Eu lembro o dia em que quase terminei comigo mesma. Era, sem dúvidas, um relacionamento de amor e ódio.

E no dia em que passei a amar a mim mesma, percebi que não era eu que estava errada, mas os outros. Nesse dia, eu finalmente percebi o quanto eu menti pra mim; tudo não passava de uma farsa.

No dia em que me conheci, eu não usava a melhor roupa e nem havia passado maquiagem, eu consegui enxergar o que todo mundo via, menos eu. Eu não estava magra, mas finalmente realizei que o que eu via no espelho não era o feio, era o diferente. Que cada curvinha tinha uma história e que cada marca na pele era pra eu lembrar sempre do que eu já fui.

Quando me apaixonei por mim mesma, consegui ver que não era eu a defeituosa, mas sim os outros, que quase me fizeram acreditar nessa tão ignorante mentira.

Eu hoje consigo olhar no fundo dos meus olhos e dizer: “Eu me amo”, sem defeitos, sem certo ou errado, sou uma mistura de tudo que acredito e faço nesse mundo. A minha relação comigo mesma hoje é de profundo amor e carinho, pois sei que sou um templo o qual cabe somente a mim contemplar e cuidar.
Claro, sempre há o que melhorar nessa relação, mas finalmente eu entendi, que essa é única relação que vai ficar comigo pro resto da minha existência: o meu compromisso comigo mesma. 

30 comentários:

  1. Lindas palavras, tão belas quanto você e sua luz... Amo você meu amor! Beijos com todo amor, do teu amado Marido RIc ; )
    P.S> E parabéns pelo teu blog, cada dia melhor!

    ResponderExcluir
  2. Somos únicas, temos a oportunidade de viver uma vida e devemos aproveitar o que há de melhor para ser vivido :)
    Adorei o post!
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. lindo texto bom seria se todos descobrissem a si mesmo beijinhos ke .

    ResponderExcluir
  4. Que liindoo, adorei essa reflexão e observação de si mesma e inclusive me identifiquei muito com essa relação de amor e ódio.
    Somos lindas e ninguém pode dizer o contrário
    beijo grandee

    ResponderExcluir
  5. Esse amor por nós mesmas as vezes fica tão de lado!! A gente abandona tdo e esquece o mais importante. Fiquei aqui super emotiva com as suas palavras! Eu estou na fase de me descobrir e de me amar!! bjs

    ResponderExcluir
  6. Temos que amar a nós mesmas em primeiro lugar para depois amar o próximo ne. E não adianta se a gente não se gosta quem vai gostar?Gostei do que vc escreveu.
    bjoo

    ResponderExcluir
  7. será que um dia eu chego lá? vou dar uma volta por aqui, bjo bjo

    ResponderExcluir
  8. será que um dia chego lá? vou dar uma volta por aqui, bjo bjo

    ResponderExcluir
  9. Linda, que bom que consegue se enxergar assim hoje em dia!

    ResponderExcluir
  10. eu acho que ainda falta uns detalhes pra eu me ver assim, mas eu chego la...
    e depois posta uma receita de suco verde aí que seja bom..ahahahaahah
    bjs

    ResponderExcluir
  11. Que lindo Fabi, chega a ser emocionante.
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Amei o post...que bom que vc se encontrou consigo mesma, que aprendeu a se amar, a se cuidar...acho no fundo que todas nós precisamos PARAR por um momento e buscar esse encontro, eu pelo menos preciso...acho que qdo agente começa a se amar, as coisas começam a fluir nas nossas vidas...

    ResponderExcluir
  13. Caraca!!! Perfeita!!! Não tem nem o que comentar...

    A sim, foto lindaaaa!!!

    Bjos

    ResponderExcluir
  14. Fabi linda, que delicia ler isso, você não tem nem ideia.
    Acredito muito que o amor verdadeiro independe de defeitos, as vezes somos capazes de amar até os defeitos alheios mas os nossos se transformam em fantasmas dolorosos.
    Enfim, muito orgulhosa de ver essa sua relação linda com você, que seja um casamento pra vida toda <3

    ResponderExcluir
  15. É isso aí linda!!!
    Adorei o post... v está corretíssima!!!

    Se ame mesmo amiga!!!

    ♥♥♥

    ResponderExcluir
  16. eu voltei a me amar de verdade e olha e a melhor coisa que existe!! beijosss

    ResponderExcluir
  17. Uma reflexão muito inteligente, parabéns, amiga !

    ResponderExcluir
  18. Lindíssimo teu post... Também quero me apaixonar por mim desta forma!

    ResponderExcluir
  19. Parabéns pelo belo texto e a maneira como está encarando a vida agora..amor próprio é tudo!!
    Abraços,
    Sandra

    ResponderExcluir
  20. Oi Fabi adorei suas palavras, eu to aprendendo a me amar a cada dia e como vale apena, hj em dia as pessoas falam e eu simplesmente olho pra eles e finjo q nem é cmg ... apertei o botão do "FODA-SE" e to me amando mt .. é isso aí ..
    Vim visitar seu cantinho e amei, estou te seguindo e agora não saio mais daqui rsrs

    Beijocas fofinhas
    www.novapathynaarea.blogspot.com

    ResponderExcluir
  21. oi querida, que linda reflexão...só quem passa por esse processo de emagrecimento entende tudo isso que vc escreveu. A gente não se enxerga, não se percebe, não se ama...hoje tb sei o que significa "me amar"...boa sexta-feira...bjs

    ResponderExcluir
  22. VC É LINDA EM TODOS OS SENTIDOS, UMA INSPIRAÇÃO!!!!

    ResponderExcluir
  23. Fabi, que post lindo!!!
    Parabens pelas palavras, por mudar tanto o pensamento a seu favor.. vc arrasou!! =)

    Um super beijo!

    http://yarinhafernandes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  24. que lindo flor, me tocou profundamente!!! me emocionei e me enxerguei no seu texto, com a diferença que EU não estou conseguindo me amar, pois não me aceito como sou, mas estou muito orgulhosa e feliz por vc!!

    ResponderExcluir
  25. Tocante teu texto Fabiana!!

    Nossas relações são sempre ambivalentes, amor e ódio!
    Achei belíssimo a tua fala de que cada curva, forma tem marcas da tua vida.

    Corpo não é só biologia, é isso que mencionas, é linguagem, é história....

    Abraços,
    Eduarda Renaux

    ResponderExcluir
  26. Tocante o teu texto, Fabiana!

    As relações são sempre ambivalentes, amor e ódio!

    Achei belo quando relatas que cada curva e forma contam de uma marca da tua vida.

    Corpo não é só biologia, é linguagem e história! Que possas dar outros contornos as formas e traços que te definem...

    abraços,
    Eduarda

    ResponderExcluir
  27. Cada ser humano tem sua riqueza. Alguns descobrem e aprendem a viver bem, outros enterram de uma vez e fazem mal primeiramente a si mesmos, depois aos que estão à sua volta, em várias escalas. Esse negócio de se achar defeituoso é um erro sem tamanho.

    ResponderExcluir
  28. Lindezaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa amei o post.. foi um tapa "nas minhas fuça"... porque tenho que aprender essa lição com a máxima urgencia.. bjokas e sucesso sempre.. te gosto grandão

    ResponderExcluir

Olá! Obrigada pela paradinha, comente e volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...